Investidor português ofereceu 2,3 ​​mil milhões de euros para comprar o Chelsea

O fundo londrino Aethel Partners, de propriedade do português Ricardo Santos Silva e que tentou comprar o Novobanco, fez uma oferta de 2,3 bilhões de euros para comprar o clube de futebol inglês Chelsea.

Segundo a Sky Sports, a Aethel Partners ainda está disponível para injetar imediatamente cerca de 60 milhões de euros no clube londrino para superar problemas de tesouraria, depois que sanções contra o proprietário Roman Abramovich (devido a contatos com Vladimir Putin) fecharam as portas do estádio e das lojas.

Fundado em 2014 por Ricardo Santos Silva e o americano Aba Schubert, o Aethel Partners Fund tem interesses em diversos setores: gestão de ativos, assessoria, tecnologia, metais, mineração e comunicações.

Em 2019, a Aethel Mining, empresa co-fundada por Ricardo Santos Silva, obteve autorização da Direcção-Geral de Energia e Geologia (DGEG) para assumir “o controlo da mina de ferro” em Torre de Moncorvo, prometendo então devolver “Portugal à uma posição de liderança na mineração”. Europeu”.

Ricardo Santos Silva estudou economia na Universidade de Lisboa e física (mecânica) em Harvard, segundo a sua biografia no site do fundo. É membro do Instituto de Física.

READ  "Pesadelo Físico e Psicológico" - Horrores da pré-temporada

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.