Hospital diz que Pelé está em estado “estável” após problemas respiratórios

SÃO PAULO (Reuters) – O Hospital Albert Einstein, de São Paulo, disse em nota que a lenda do futebol brasileiro Pelé, de 80 anos, estava em condição “estável” após “instabilidade respiratória” na madrugada de sexta-feira que o levou a ser transferido para uma unidade. .

As preocupações com a saúde de Pelé aumentaram na sexta-feira, depois que a mídia local noticiou que ele estava de volta à unidade de terapia intensiva da qual havia acabado de sair no início desta semana, enquanto se recuperava de um pólipo no cólon.

O hospital disse que Pelé teve “instabilidade respiratória momentânea” e foi internado na unidade de terapia intensiva por precaução. Depois que sua condição foi estabilizada, ele disse, ele foi transferido para “cuidados semi-intensivos” e agora está “estável do ponto de vista cardiovascular e respiratório”.

Buscando acalmar as preocupações das pessoas com a saúde de uma lenda do futebol considerada por muitos o maior jogador da história, a filha de Pelé, Kelly Nascimento, disse no Instagram que ele está “se recuperando bem … eu prometo!”

Ela acrescentou: “O cenário de uma recuperação normal para um homem de sua idade após uma operação como esta é às vezes dois passos para frente e um para trás.”

Ele também postou uma foto que dizia “recém-tirada” do tricampeão mundial vestindo uma jaqueta preta e sorrindo para a câmera.

Pelé sofre de problemas nos quadris há anos e não consegue andar sem ajuda. Suas aparições públicas já foram interrompidas antes da pandemia de COVID-19 e, desde então, ele fez algumas incursões não essenciais fora de sua casa, perto de Santos.

(Reportagem de Gabriel Araujo e Gabriel Stargardter; Escrita de Andrew Downey; Edição de Brad Hines, Danielle Wallis e Grant McCall)

READ  Portugal está pronto para começar a vacinar crianças

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *