Cristais egípcios conquistam market share no Brasil

Isora Daniel
[email protected]

São Paulo – A marca de cristais egípcios Asfour está se expandindo no Brasil, agregando novos produtos e pontos de distribuição. O empresário Mohamed Darwish, egípcio que mora em São Paulo, importa produtos da Asfour há cinco anos. Ele é o único que lidera os esforços de crescimento da marca no Brasil.

Darwish: presentes

Darwish vende principalmente quatro lustres de cristal e peças. No ano passado foi inaugurada a segunda loja Crystal Star em São Paulo. Ele também começou a vender presentes personalizados feitos de cristais de pássaros. As organizações podem solicitar objetos personalizados que tenham logotipos ou nomes de destinatários para distribuir aos clientes.

“Se você for a qualquer fábrica de cristais e disser: ‘Olha, quero um produto personalizado com um nome e logotipo’, ou eles não vão conseguir ou o preço será muito alto.” Asfour tem experiência para fornecer presentes personalizados acessíveis e econômicos, disse Darwish. Os itens são feitos no Egito.

Darwish fez parceria com a Asfour em 2016. Ele também tem interesses comerciais na indústria do turismo e foi nomeado distribuidor de pardais na América Latina. “Eu amo cristais. Costumava comprar muitas peças para presentear as pessoas.” Mas, ao conversar com os varejistas, Darwish percebeu que muitos não acreditavam no potencial dos produtos que, mesmo assim, eram procurados pelos compradores finais.

Então, surgiu a ideia de abrir lojas Crystal Star para vender produtos de pássaros diretamente aos compradores. A primeira loja foi inaugurada em 2018, na Avenida Indianópolis. Em São Paulo, o segundo em 2020, na Av. Nossa Senhora do Sabará. , Na mesma cidade. As lojas são sofisticadas, espaçosas e luxuosas. “Quando eles oferecem o produto aos compradores finais, eles o compram”, diz Darwish sobre a aceitação do produto.

Duas lojas em sao paulo

Ele explica que os lustres são inteiramente feitos no Egito. Muitos deles são revestidos de ouro ou níquel, e todos são de um belo estilo. “Garantimos aos nossos clientes que este é o verdadeiro cristal. Não amarelece, não escurece e mantém o brilho para sempre”. Segundo ele, os lustres são os melhores do mercado, a par de marcas de cristal famosas como a Swarovski. “Só eles são mais acessíveis.”

READ  Editorial da Assembleia Geral da ONU destaca a pandemia e lacunas da vacina COVID-19

Além de vender lustres, peças de lustres e brindes corporativos, a Darwich fabrica e monta lustres de cristal egípcio sob medida para fabricantes e varejistas no Brasil. “Isso é para dar aos clientes latino-americanos a chance de customizar seus produtos”, argumenta, acrescentando que funciona com rapidez e tem uma boa relação custo-benefício.

A Crystal Star Stores começou recentemente a vender lustres de não cristal de alta qualidade feitos pela marca egípcia Tiara, que foi comprada pela Asfour. “É uma fonte contemporânea que é muito procurada, especialmente entre arquitetos.”

O acordo de livre comércio entre o Mercosul e o Egito deu um grande impulso aos negócios de Darwish. “Pagamos menos impostos, por isso nos tornamos mais competitivos em comparação com os chineses.” O acordo entrou em vigor há pouco mais de três anos, reduzindo ou elevando as tarifas de importação na venda de diversos produtos do Egito para o Brasil e vice-versa.

Flash egípcio

Apesar da escala de crescimento de seus negócios, Darwish tem outros planos para sparrow no Brasil. Ele planeja importar uma linha de joias de cristal ainda este ano. A ideia surgiu quando joalherias de luxo começaram a contatá-lo para comprar cristais. Darwich solicitou modificações no produto para atender aos gostos brasileiros e espera começar a vender em 2021, incluindo fora das lojas Crystal Star.

Os planos deste ano também incluem a realização de um concurso de design de lustres para arquitetos brasileiros e a apresentação ao vencedor de uma viagem ao Egito e um tour pelas fábricas da Asfour Ele também deve trazer um monte de seus parceiros comerciais de arquitetura na viagem.

El Masry parece feliz em trabalhar com cristais, um produto que adora. Antes de o negócio começar, diz ele, os fornecedores chineses vendiam cristais de pássaros no Brasil, mas tudo o que tinham a oferecer era o preço. Como morou no Egito e atualmente mora no Brasil, Darwish consegue mostrar exatamente do que são os cristais da marca e passar informações sobre as peculiaridades do mercado brasileiro para a empresa egípcia.

READ  O número de casos de COVID-19 em todo o mundo ultrapassou 166,4 milhões, com mais de 3,44 milhões de mortes

Mas seu objetivo final é fazer da Asfour o maior player de mercado do Brasil. Também fez vendas para Argentina e Chile e tem planos de se espalhar para a Asfour em toda a região. No Brasil, além das lojas Crystal Star de São Paulo, atende varejistas multimarcas.

fatos rápidos
Estrela de cristal
local na rede Internet
WhatsApp: +55 (11) 98365 9687

Traduzido por Gabriel Pomeran Blume

Comunicado de imprensa

Comunicado de imprensa

Comunicado de imprensa

Comunicado de imprensa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *