O governo brasileiro está buscando alterar impostos para aumentar as fontes de receita

Escrito por Marcela Ayres e Bernardo Karam

BRASÍLIA (Reuters) – O Ministério da Fazenda do Brasil está preparando um novo conjunto de iniciativas para aumentar a arrecadação de impostos, incluindo uma revisão das deduções e isenções do imposto de renda para pessoas físicas, segundo três pessoas familiarizadas com o assunto.

Possíveis medidas visam aumentar a estabilidade financeira no Brasil, já que o presidente esquerdista Luiz Inácio Lula da Silva busca direcionar mais dinheiro para os pobres e projetos apoiados pelo Estado.

As fontes, que falaram sob condição de anonimato porque as discussões não são públicas, disseram que incluem a tributação dos lucros e dividendos da empresa, bem como mudanças na tributação de alguns fundos de investimento.

O Ministério das Finanças não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.

As administrações anteriores tentaram – e falharam – restringir as deduções do imposto de renda, que permitem que os contribuintes usem comprovantes de certas despesas, como custos médicos e educacionais, para reduzir suas contas de impostos. Tais medidas beneficiam muito os indivíduos de alta renda.

O governo estima que perderá 51,1 bilhões de riais (US$ 10,2 bilhões) de isenções, juntamente com 31,3 bilhões de riais de deduções no orçamento de 2024.

Lula criticou as deduções para gastos com saúde.

Em dezembro, um mês antes de assumir o cargo, destacou como “contradição” os desafios dos mais pobres para obter tratamentos especializados, contrastando com a possibilidade de fazer exames anuais e deduzir no imposto de renda as despesas associadas.

O chefe de receita do ministério da Fazenda, Robinson Barreirinhas, disse no mês passado que o governo estava trabalhando em medidas adicionais de receita que seriam anunciadas no segundo semestre deste ano. Ele se referiu a estudos “muito fortes e consistentes” sobre a possibilidade de aumentar o faturamento anual em 155 bilhões de riais como resultado de esforços conjuntos.

READ  Sorteio dos quartos-de-final e meias-finais da Europa League e da Europa Conference League: Arsenal, Man United e West Ham | notícias de futebol

O aumento das receitas é um pilar fundamental do novo quadro fiscal introduzido pelo governo para fornecer um caminho sustentável para a dívida pública.

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, já anunciou que o governo vai reprimir os gigantes do comércio eletrônico asiático e as apostas esportivas online e reduzir alguns benefícios fiscais para as empresas arrecadarem mais de 100 bilhões de riais.

(US$ 1 = 5,0033 riais)

(Reportagem de Marcella Ayres e Bernardo Karam; Edição de Gabrielle Stargaardter e Bill Berkrot)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *