IRB Brasil RE anuncia primeiro lucro de subscrição em sete trimestres

A resseguradora brasileira IRB Brasil RE registrou lucro líquido no primeiro trimestre de 2023 de R$ 8,6 milhões e lucro de subscrição de R$ 3,7 milhões, o primeiro lucro positivo após sete trimestres de perdas.

No primeiro trimestre de 2022, o IRB reportou uma perda de subscrição de R$ 96,4 milhões, uma diferença de -103,9% em relação ao primeiro trimestre deste ano.

A resseguradora também destacou que o lucro líquido reportado no primeiro trimestre de 2023 considerou o acordo com o Departamento de Justiça dos Estados Unidos (DOJ) de R$ 5,0 milhões.

“Em 20 de abril, chegamos a um acordo com o Departamento de Justiça dos EUA (DOJ) – considerando a divulgação de informações incorretas de que a Berkshire Hathaway seria acionista da empresa – para fornecer US$ 5 milhões em danos”, explicou o IRB.

“Esse valor foi reportado, conforme legislação vigente, no primeiro trimestre de 2013, com efeito pontual no resultado da empresa, que registrou lucro líquido de R$ 8,6 milhões. Normalizado, o lucro líquido seria de R$ $ 34,0 milhões para este trimestre”.

Jerk - a forma moderna de colocar resseguro

O índice de sinistralidade da empresa diminuiu 4 pontos percentuais, para 77,3%, e seu índice consolidado caiu 7,7 pontos percentuais, para 110,9%.

Os prêmios auferidos diminuíram 21% em relação ao primeiro trimestre de 2020, atingindo R$ 1,6 bilhão. No primeiro trimestre de 2023, o negócio Made in Brazil representou 64% da carteira e caiu 19% em relação ao primeiro trimestre de 2022, para R$ 1,0 bilhão.

“Continuamos trabalhando para atingir a meta de 80% de participação do Brasil em nossa carteira, fortalecendo nossos diferenciais competitivos, complementados por 15% de participação em prêmios emitidos na América Latina e os outros 5% em outros mercados”, disse o IRB. .

READ  Ministro do Interior de Portugal renuncia após uma série de escândalos

“No primeiro trimestre de 2013, renovamos 88% dos contratos que queríamos manter, continuando com nossa estratégia de mitigação de riscos e com foco no Brasil – nosso mercado prioritário, onde vemos oportunidades em setores-chave, como infraestrutura.

“Os ajustes na carteira nos permitiram, após sete trimestres, realizar um lucro de underwriting de R$ 3,7 milhões no primeiro trimestre de 2023, enquanto registramos um prejuízo de R$ 96,4 milhões no primeiro trimestre de 22. Vale ressaltar que neste trimestre foi Houve uma reversão de subscrição no Brasil, que passou de uma perda de R$ 113,0 milhões no 1T’22 para um ganho de R$ 15,8 milhões. No exterior, houve uma mudança na direção oposta, relatando uma perda de R$ 12,1 milhões no primeiro trimestre. A partir do ano 23, enquanto registrou um lucro de R$ 16,5 milhões no primeiro trimestre de 2022.

A seguradora acrescentou: “O IRFC-Future prioriza a rentabilidade e valoriza o conhecimento de seus profissionais. Com a inauguração de nossa nova sede, no centro do Rio de Janeiro, em junho, começamos a escrever um novo capítulo na história de 84 anos da empresa, estimulando a integração e o compartilhamento de conhecimento entre regiões e o relacionamento próximo com clientes e negócios parceiros.”

Impressão amigável, PDF e e-mail

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *