Messi inspira a Argentina à vitória. Brasil sofre primeira derrota nas Eliminatórias em 37 partidas

Em uma rodada emocionante das eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo, Lionel Messi levou a Argentina à vitória por 2 a 0 sobre o Peru. Jogando a partida completa pela seleção, Messi apareceu em excelentes condições, tendo se recuperado recentemente de dores musculares que o afastaram dos gramados por várias partidas pelo Inter Miami.

Enquanto isso, o arquirrival dos campeões mundiais, o Brasil, enfrentou dois grandes reveses contra o Uruguai. O Brasil sofreu uma rara derrota por 2 a 0 para os anfitriões, sua primeira derrota em 37 eliminatórias para a Copa do Mundo. Além disso, o craque brasileiro Neymar deixou o Estádio Centenário, em Montevidéu, de muletas devido a uma lesão no joelho esquerdo.

Em outras partidas, a Venezuela obteve uma vitória esmagadora sobre o Chile por 3 a 0. A seleção venezuelana mostrou grande trabalho coletivo, com gols de Yverson Sotildo, Salomon Rondon e Darwin Machis. Na semana passada, a Venezuela empatou com o Brasil por 1 a 1.

Equador e Colômbia empataram em 0 a 0, enquanto o Paraguai conseguiu uma difícil vitória sobre a Bolívia por 1 a 0, com Antonio Sanabria marcando o gol decisivo aos 69 minutos.

A Argentina lidera a classificação das Eliminatórias Sul-Americanas com 12 pontos em quatro partidas. Uruguai, Brasil e Venezuela aparecem em segundo lugar com sete pontos separados pelo saldo de gols. A Colômbia tem seis pontos, enquanto Equador, Paraguai e Chile têm quatro pontos cada. O Peru tem um ponto e a Bolívia continua com zero.

– anúncio –

A próxima Copa do Mundo nos Estados Unidos, México e Canadá contará com 48 seleções, dando entrada direta às seis melhores seleções da América do Sul. O sétimo colocado disputará uma repescagem intercontinental por uma vaga.

READ  Sports Digest: Tafantanakit mantém liderança, Wei West falha para inspiração ANA

Duas rodadas adicionais das eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo estão marcadas para novembro. Destaque para o próximo confronto entre Brasil e Argentina, marcado para 21 de novembro, no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro.

Messi
O argentino Lionel Messi comemora após marcar o segundo gol da Argentina nas quartas de final da Copa do Mundo contra a Holanda, no Estádio Lusail, em Lusail, Catar, na sexta-feira, 9 de dezembro de 2022. (Foto: AP)

Argentina 2, Perú 0

A Argentina, campeã da Copa do Mundo, teve um desempenho dominante contra o Peru no Estádio Nacional de Lima. Enfrentando uma equipa peruana que ainda não tinha marcado nenhum golo em quatro jogos de qualificação, a vitória da Argentina foi destacada pelo papel fundamental de Lionel Messi. O astro de 36 anos marcou os dois gols da Argentina, consolidando seu retorno ao time titular e mostrando sua forma física.

– anúncio –

Messi abriu o placar aos 32 minutos após contra-ataque iniciado por Enzo Fernandez. Um cruzamento preciso de Nico Gonzalez encontrou Messi na entrada da área, onde disparou um chute decisivo no canto esquerdo do goleiro Pedro Gallese. Dez minutos depois, Messi voltou a marcar, graças a passe de Enzo Fernandes, e rematou no canto direito de Gales. Embora o gol de Messi tenha sido anulado devido a uma ligeira margem de impedimento aos 57 minutos, a vitória da Argentina foi retumbante.

Após a partida, Messi expressou sua satisfação com o desempenho da equipe, dizendo: “Sim, temos um bom grupo e um bom ambiente no vestiário, e as coisas estão muito mais fáceis. Gostamos de estar juntos e brincar juntos. Depois de vencer a Copa do Mundo, ganhamos confiança, ficamos mais unidos e consistentes. Espero que possamos continuar a crescer.”

Torcedores do Peru e da Argentina tentaram invadir o estádio para abraçar Messi, que foi fundamental para levar os campeões do mundo à oitava vitória consecutiva desde a vitória no Catar no ano passado.

READ  Campeonato Brasileiro: Fortaleza x Botafogo Vicha 29

Uruguai 2 Brasil 0

O Uruguai conquistou uma vitória histórica sobre o Brasil com uma vitória por 2 a 0 em Montevidéu. O primeiro tempo começou lento, até que uma jogada brilhante de Maximiliano Araujo pela lateral esquerda resultou em um cruzamento, permitindo a Darwin Nunez cabecear para o gol.

O segundo tempo viu o Brasil lutar para encontrar o ritmo, enquanto o Uruguai continuava pronto para contra-atacar. Nicolas de la Cruz aproveitou a virada aos 77 minutos e marcou de perto.

A derrota foi um duro golpe para o Brasil, que apresentou seu pior desempenho sob a liderança do novo técnico Fernando Diniz, e sofreu sua primeira derrota em 37 eliminatórias para a Copa do Mundo. O capitão da seleção brasileira, Casemiro, expressou sua preocupação com a lesão de Neymar, esperando que não seja tão grave quanto parece.

A vitória do Uruguai, comandada pelo técnico argentino Marcelo Bielsa, foi a primeira vitória sobre o Brasil em 22 anos, o que representa um momento histórico para a seleção. “Hoje fizemos história”, disse Nunez.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *