Jogador de futebol brasileiro acusado de tentativa de homicídio após chutar o árbitro na cabeça enquanto ele estava deitado no chão | notícias de futebol

As autoridades brasileiras afirmam que um jogador de futebol brasileiro foi acusado de tentativa de homicídio após chutar a cabeça de um árbitro durante uma partida da segunda divisão, o que o fez perder a consciência.

William Ribeiro chutou o árbitro Rodrigo Crivelaro duas vezes durante a partida de segunda-feira entre o São Paulo de Rio Grande e o anfitrião Guarani de Venâncio Aires, a segunda vez que o árbitro caiu no chão.

O incidente ocorreu após Crivelaro não ter concedido falta à equipe de Ribeiro.

A partida foi suspensa e Crivellaro foi levado a um hospital local depois de perder a consciência. Ribeiro foi preso no estádio e acusado de tentativa de homicídio.

Crivelaro recebeu alta do hospital na manhã de terça-feira. O árbitro disse aos repórteres que ainda não havia visto as imagens do acidente.

O investigador da polícia local Vinicius Assuno disse a jornalistas que um juiz decidirá se Ribeiro permanecerá sob custódia durante a investigação ou será libertado sob fiança.

“Seu ataque foi tão intenso, tão violento, que ele chutou o árbitro na cabeça e ele desmaiou”, disse Asuno. “O árbitro não teve oportunidade de se defender.”

A partida suspensa será retomada na próxima semana, na terça-feira. O São Paulo Athletic Club emitiu nota expressando seu pesar por “um dos episódios mais tristes de sua história” e pela rescisão do contrato do jogador com o clube.

O acidente ocorreu no dia em que São Paulo comemorava 123 anos.

READ  Final Euro 2020: análise, vídeos, previsões, resumos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *