A polícia diz que um homem picado por uma cobra de estimação escapou enquanto estava no banheiro

A polícia disse que um homem na Áustria foi mordido nos órgãos genitais por uma cobra enquanto estava no banheiro – depois de acreditar que o réptil havia escapado da casa de seu vizinho e rastejado pelo ralo.

Citando um comunicado policial na Styria, a Reuters relatou que o homem de 65 anos em Graz foi morto por uma píton reticulada de mais de 1,5 metro por volta das 6h da manhã de segunda-feira, enquanto estava sentado no banheiro.

“Pouco depois de se sentar no banheiro, um morador de Graz – segundo seu próprio relato – sentiu um beliscão na área genital”, disse a polícia.

A píton, uma criatura não venenosa nativa da Ásia, pode atingir 9 metros de comprimento.

A Reuters relatou que o rastejador aparentemente escapou do apartamento de um vizinho e pode ter alcançado o banheiro do homem pelos ralos, embora seu caminho exato não estivesse totalmente claro.

A vítima não identificada foi levada a um hospital para tratamento de ferimentos leves.

O especialista em répteis também respondeu à casa do homem, removendo a cobra antes de limpá-la e devolvê-la ao dono de 24 anos.

Enquanto isso, o vizinho do homem tinha 11 cobras estreitas não venenosas em seu apartamento. A Associated Press relatou que ele também tinha uma lagartixa, que era mantida em terrários e gavetas dentro de sua casa.

A polícia disse que as autoridades agora estão investigando o dono da cobra sob suspeita de que ele causou danos corporais por negligência.

READ  Veja o príncipe Philip, a rainha Elizabeth II com tataranetos em uma foto rara

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *