Veja porque a EDP – Energias do Brasil (BVMF: ENBR3) pode administrar sua dívida com responsabilidade

David Ebn colocou isso bem quando disse: “A volatilidade não é um risco com o qual nos preocupamos. O que nos preocupa é evitar a perda permanente de capital. Quando pensamos sobre o quão arriscada uma empresa é, sempre gostamos de olhar para o uso de dívida, porque uma carga excessiva de dívida pode levar a Percebemos que a ruína EDP ​​- Energias do Brasil SA (BVMF: ENBR3) possui dívidas em seu balanço patrimonial. Mas os acionistas deveriam se preocupar com o uso da dívida?

Por que a dívida traz riscos?

A dívida ajuda a empresa até que ela tenha problemas para saldá-la, seja com novo capital ou fluxo de caixa livre. Em última análise, se a empresa não puder cumprir suas obrigações legais de saldar a dívida, os acionistas podem renunciar a qualquer coisa. No entanto, o cenário mais comum (mas ainda doloroso) é que ele tenha que levantar um novo capital a um preço baixo, enfraquecendo permanentemente os acionistas. Ao substituir a diluição, a dívida pode ser uma ferramenta muito boa para empresas que precisam de capital para investir no crescimento com altas taxas de retorno. Quando examinamos os níveis de dívida, primeiro consideramos os níveis de caixa e dívida.

Veja nossas últimas análises da EDP – Energias do Brasil

Qual é a dívida líquida da EDP – Energias do Brasil?

Como vocês podem ver abaixo, ao final de setembro de 2020, a EDP – Energias do Brasil tinha dívidas de R $ 9,12 bilhões, ante R $ 8,75 bilhões no ano passado. Clique na imagem para mais detalhes. Porém, com uma reserva de caixa de R $ 3,31 bilhões, sua dívida líquida é menor, em torno de R $ 5,81 bilhões.

READ  Serviço de Saúde Português - Notícias de Portugal

BOVESPA: Histórico da Dívida sobre o Patrimônio Líquido ENBR3 em 16 de fevereiro de 2021

Quão forte é o balanço da EDP-Energias para o Brasil?

De acordo com o último balanço divulgado, a EDP – Energias do Brasil apresentava passivos de R $ 6,67 bilhões com vencimento em 12 meses e passivos de R $ 10,9 bilhões com vencimento em 12 meses. Contra esse passivo, possuía caixa de R $ 3,31 bilhões e mais R $ 3,53 bilhões a receber com vencimento em 12 meses. Portanto, seu passivo supera a soma de caixa e devedores (no curto prazo) em R $ 10,7 bilhões.

Esse déficit é grande em relação ao seu valor de mercado de R $ 11,4 bilhões, portanto, indica que os acionistas devem monitorar o uso da dívida da EDP – Energias do Brasil. Se seus credores exigirem suporte de balanço, os acionistas provavelmente enfrentarão uma grande diluição.

Usamos dois índices principais para nos informar sobre os níveis de dívida / lucro. O primeiro é a dívida líquida dividida pelo EBITDA, enquanto o segundo é o número de vezes que seu EBIT cobre despesas de juros (ou cobertura de juros, para resumir). Dessa forma, levamos em consideração tanto o valor absoluto da dívida, quanto as taxas de juros pagas sobre ela.

Poderíamos dizer que a EDP-Energias faz a relação dívida líquida / EBITDA moderada do Brasil (que é de 2,0), o que indica prudência no que diz respeito à dívida. Seus ganhos de EBIT, que somam 1.000 vezes a despesa de juros, sugerem que o peso da dívida é tão leve quanto a pena de um pavão. Se a EDP – Energias do Brasil conseguir manter um crescimento do EBIT de 16% no ano passado em relação ao ano passado, terá mais facilidade de administrar o seu endividamento. Ao analisar os níveis de dívida, o balanço é o lugar óbvio para começar. Em última análise, porém, a rentabilidade futura da empresa determinará se a EDP – Energias do Brasil poderá aumentar seu balanço ao longo do tempo. Então, se você se concentrar no futuro, pode dar uma olhada Livre Um relatório mostrando as expectativas de lucros dos analistas.

Finalmente, embora o fiscal possa adorar lucros contábeis, os credores aceitam apenas dinheiro vivo. Portanto, vale a pena verificar quanto EBIT é sustentado pelo fluxo de caixa livre. Nos últimos três anos, o fluxo de caixa livre da Energias do Brasil atingiu 24% do seu EBIT, abaixo do que esperávamos. Essa fraca transferência de dinheiro torna mais difícil lidar com o endividamento.

Nós vimos

No que diz respeito ao balanço, o aspecto positivo da EDP – Energias do Brasil é o facto de parecer conseguir cobrir com confiança as suas despesas financeiras através do EBITDA. Mas os outros fatores que mencionamos acima não foram muito encorajadores. Por exemplo, parece que ela tem que lutar um pouco para lidar com suas responsabilidades totais. Vale destacar também que a EDP – Energias do Brasil atua no setor de concessionárias de energia elétrica, que muitas vezes é considerado bastante defensivo. Olhar para todos esses dados nos deixa um pouco desconfiados com o nível de endividamento da EDP – Energias do Brasil. Embora a dívida tenha um lado positivo para retornos potencialmente mais elevados, achamos que os acionistas devem definitivamente considerar como os níveis de dívida podem tornar o patrimônio mais arriscado. O balanço é claramente a área em que se deve focar ao analisar a dívida. Mas, no final das contas, toda empresa pode ter riscos que estão fora do balanço patrimonial. Por exemplo, nós definimos 2 Sinais de Alerta EDP – Energias do Brasil Isso você deve estar ciente.

Se, afinal de contas, você está mais interessado em uma empresa de rápido crescimento com um balanço patrimonial forte, analise nossa lista de ações de crescimento monetário líquido sem demora.

Promoção
Se você está procurando negociar com a EDP – Energias do Brasil, abra uma conta com a plataforma mais barata * em que os profissionais confiam, Mediadores Interativos. Seus clientes em mais de 200 países e territórios negociam ações, opções, futuros, forex, títulos e fundos em todo o mundo a partir de uma conta integrada.

Este artigo escrito por Simply Wall St é de natureza geral. Não constitui recomendação de compra ou venda de ações, nem leva em consideração seus objetivos ou situação financeira. Nosso objetivo é fornecer a você uma análise focada em longo prazo, orientada por dados fundamentais. Observe que nossa análise pode não incluir os anúncios mais recentes da empresa que são sensíveis ao preço ou genéricos. Wall Street simplesmente não tem posição em nenhuma das ações listadas.
*Interactive Brokers são classificados como o corretor menos caro pela StockBrokers.com Annual Online Review 2020

Você tem notas sobre este artigo? Preocupado com o conteúdo? mantenha contato Diretamente conosco. Como alternativa, envie um e-mail para a equipe editorial (em) simplesmente wallst.com.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *