Sony, mostre-me o fundo, recuperou $ 400.000 em ajuda COVID-19 no Brasil

Enquanto o setor audiovisual brasileiro se prepara para retornar às filmagens e shows depois de ser interrompido devido à pandemia COVID-19, novas diretrizes de saúde e segurança estão sendo implementadas para prevenir a disseminação da doença e proteger os participantes da produção.

Para aliviar o fardo dos produtores já afetados, Show Me The Fund – uma joint venture da Brazil Content, do programa de promoção de filmes brasileiros Cinema do Brasil e da iniciativa de apoio filantrópico de Olga Rabinovich – se uniu à Sony Pictures Entertainment para fornecer apoio financeiro de quase US $ 400.000 para 100 produtoras Brasileiras independentes por meio da Sony Global Relief Fund. Atuando sob o título Retorno aos Grupos, os recursos serão distribuídos igualmente entre as produtoras selecionadas pelo Instituto Brasileiro de Conteúdo Audiovisual. O valor total concedido deve ser gasto em medidas de saúde e segurança para o COVID-19.

“A retomada da fotografia é um movimento muito aguardado pelos profissionais da indústria audiovisual nacional, mas é imprescindível que seja feito da forma mais segura possível.” Josephine Bourjois, Diretora Executiva do Projeto Paradiso, explica em nota: Esperamos a Volta A Sets Fund está apta a apoiar o movimento de retorno às coleções, contribuindo assim para garantir a segurança dos profissionais do setor.

As inscrições online para financiamento começam em 1º de fevereiro no site Show Me The Fund e durarão três semanas, com partes selecionadas anunciadas em 1º de março. Todos os projetos elegíveis devem ser registrados na Agência Nacional de Cinema ANCINE e as filmagens devem começar entre 1º de março e 31 de dezembro de 2021. Somente filmes de ação ao vivo podem ser inscritos, anúncios, animações ou curtas metragens não serão considerados. Os produtores selecionados devem deter a maioria dos direitos de propriedade intelectual da produção elegível, e os projetos com co-produtores internacionais terão prioridade.

READ  Saída da Ford lança sombra sobre a indústria automobilística brasileira

“Temos a missão de manter o bom desempenho da indústria audiovisual e, apesar deste momento crítico da pandemia, não podemos permitir que o setor fique parado. Com essa ideia em mente, decidimos trabalhar agora no sentido de estabelecer uma segurança e protocolo de saúde para viabilizar financeiramente a devolução aos grupos ”, disse Simone de Mendonça.

Ela também fez questão de agradecer a contribuição da Sony, afirmando: “É importante destacar a cooperação da iniciativa privada, que reconhece a qualidade da nossa produção nesta iniciativa de apoio à indústria audiovisual brasileira”.

Fundo Brasileiro – de volta às coleções
Foto: Julia Demetro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *