“Obras Inacabadas de Vandorn” no Brasil

A seleção franco-americana está em segundo lugar no Campeonato Mundial de Equipes, com seu bicampeão Jean-Eric Vergne Liderando em sexto, segundo e oitavo nas três primeiras rodadas da Cidade do México e Diriyah e campeão da oitava temporada Stoffel Vandoorne Gravado duas vezes.

Leia mais: Tudo o que aprendemos com a 10ª temporada até agora

A equipe se saiu bem no Brasil no ano passado, com Vandoorne levando Julius Baer à pole position – o único pole a defender seu título na nona temporada. O belga terminou a corrida em sexto, com os motores Jaguar a destacarem-se na distância Trancado 1-2-3 na plataforma. Vergne terminou em quinto lugar na estrada com a bandeira quadriculada.

Leia mais: Primeira viagem da Fórmula E ao Brasil com recordes e números

Atual líder da classificação Nick Cassidy (Jaguar TCS Racing) Os carros com motor Stellantis foram recentemente descritos como “subvalorizados”, com seu desempenho superando a atenção que recebem em meio ao bate-papo entre Jaguar e Porsche.

No intervalo entre Diriyah e São Paulo, a equipe diz que está trabalhando “incansavelmente” para perseguir cada ponto de seu trabalho de desenvolvimento, e isso pode ser um bom presságio, já que Vandoorne busca títulos para compensar o desperdício do ano passado. Do poste.

“Estou emocionado por voltar a São Paulo e correr novamente nesta cidade famosa”, diz Bilgin. “Com a equipe, trabalhamos duro entre Diriyah e aqui, passei muito tempo no simulador procurando a estratégia certa com meu novo engenheiro de corrida. No ano passado, comecei na pole e parece que tenho assuntos inacabados aqui – estou muito determinado a entregar uma corrida.” Forte no sábado!

Vergne sente que a equipe está no caminho certo no momento. “Estamos no caminho certo”, diz ele. “Estou muito confiante de que podemos dar um passo em frente. Todos na equipe têm um objetivo em mente, que é correr atrás daquele milissegundo para diminuir a diferença. Quero realmente que marquemos o máximo de pontos possível neste fim de semana.”

Programação: onde, quando e como assistir ou transmitir o 2024 São Paulo E-Prix Tour 4

O E-Prix de São Paulo começa na sexta-feira, 15 de março, com o Treino Livre 1 às 16h25, horário local.

Assista: Como assistir ou transmitir o E-Prix de São Paulo da Fórmula E onde quer que você esteja

O dia da corrida começa no sábado, 16 de março, com o Dia 2 de treinos livres começando às 07h25, horário local, seguido pela qualificação às 09h40, horário local, com luzes apagadas na Rodada 4 às 14h00, horário local/17h00 UTC.

Veja a programação completa em seu fuso horário e confira as listas das emissoras ou clique no botão “Maneiras de assistir” acima para descobrir onde assistir todas as corridas onde você mora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *