Noruega se prepara para a maior tempestade em 30 anos

A costa mesoatlântica da Noruega está a preparar-se para a ação, já que as autoridades alertaram que o país poderá sofrer a tempestade mais forte das últimas três décadas e apelaram às pessoas para ficarem em casa.

COPENHAGUE, Dinamarca — COPENHAGUE, Dinamarca (AP) — A costa mesoatlântica da Noruega lutou na quarta-feira, enquanto as autoridades alertavam que o país poderia ver a tempestade mais forte em três décadas e instam as pessoas a ficarem em casa.

Espera-se que ventos com força de furacão atinjam a área, e companhias aéreas e linhas de ferry previram interrupções. A polícia alertou que eram esperadas rajadas de vento entre 126 e 180 quilômetros por hora (78 a 112 milhas por hora).

Ao meio-dia de quarta-feira, surgiram relatos dispersos sobre a suspensão dos serviços de ferry que ligam as ilhas norueguesas e o encerramento de escolas, estradas, túneis e pontes em todo o país montanhoso.

A tempestade, apelidada de “Injun” pelos meteorologistas noruegueses, deverá atingir o centro da Noruega por volta do meio-dia de quarta-feira, antes de seguir para o norte na quinta-feira.

As autoridades emitiram um alerta vermelho, ao mais alto nível, para a zona envolvente da cidade de Trondheim, onde se prevê que soprem ventos fortes na quarta-feira. Outro alerta vermelho também foi emitido para as Ilhas Lofoten, mais ao norte, ao longo da costa do Ártico.

“Os avisos vermelhos são raros e devem ser levados muito a sério”, disse Nils Karbo, da Administração Norueguesa de Estradas Públicas.

READ  FBI James Comey, Andrew McCabe, foi auditado pelo IRS depois de irritar Trump

“É importante proteger os itens soltos e avaliar se o trabalho realizado ao ar livre pode ser alterado ou adiado”, disse Gunn Robstad Andersen, da Autoridade Norueguesa de Inspeção do Trabalho. Ela acrescentou que os empregadores devem incentivar as pessoas a trabalhar em casa e evitar viagens desnecessárias.

A agência de notícias norueguesa NTB escreveu que o primeiro-ministro norueguês, Jonas Gahr Sture, pretende retornar a Oslo na quarta-feira.

Nenhum voo havia sido cancelado até a manhã de quarta-feira, mas uma porta-voz da companhia aérea local Widro disse: “Eles estão levando de aeroporto em aeroporto à medida que avançamos”, escreveu o NTB.

A polícia pediu às pessoas que evitassem sair de casa, se possível, e que ficassem atentas a objetos voadores ao fazê-lo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *