Latam Airlines do Brasil está considerando a transferência de um piloto e uma tripulação para cortar custos

LATAM Airlines identifica até oito B767s para a conversão P2F

03/03/2021 – 19:22 UTC

O Grupo LATAM Airlines anunciou que converterá quatro de suas aeronaves B767-300 (ER) em aeronaves de carga personalizadas com opções para fazer mais quatro conversões.

As primeiras quatro aeronaves B767-300 (ERBCF) encomendadas pelas empresas serão devolvidas ao grupo sul-americano em 2021 e 2022. Caso optem por implementar as opções, as quatro unidades adicionais serão entregues de volta em 2022 e 2023.

O CEO do Grupo, Roberto Alvo, disse: “Mantemos nosso compromisso de apoiar os exportadores e importadores da região, proporcionando-lhes mais e melhores opções para transportar suas mercadorias até seus destinos.” Como resultado, ele acrescentou, os planos de crescimento da LATAM Cargo serão acelerados com a conversão de até oito Boeing 767-300ERs nos próximos 30 meses.

O grupo disse que o programa de conversão P2F poderia aumentar sua capacidade de remessa dedicada em até 80%. Não divulgou a qual das companhias aéreas convertidas o avião recém-convertido seria alocado.

O CEO da LATAM, Cargo Andrés Bianchi, confirmou que a aeronave apoiará os serviços de frete internacional do grupo e os mercados domésticos em rápido crescimento, apoiados pelo aumento da demanda …

O cão de guarda brasileiro dá um aceno final à Delta-LATAM JV

03/03/2021 – 12:08 UTC

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica – CADE anunciou a aprovação final de uma joint venture entre a Delta Air Lines (DL, Atlanta Hartsfield Jackson) e o Grupo LATAM Airlines, sem condições, anunciaram os dois sócios em comunicado conjunto.

Isso veio na esteira da aprovação inicial do CADE em setembro de 2020, que por sua vez foi a primeira luz verde regulatória para a joint venture desde que foi assinada em maio de 2020.

READ  Exclusivo: Elliott Management se opõe à Azul por causa do plano de falência da Avianca Brasil

A aprovação cobre apenas as operações da América Latina e do Caribe. O acordo Delta-LATAM também foi aprovado no Uruguai, mas o processo de inscrição continua em outros países da América do Sul, incluindo o Chile, país de origem do grupo.

A joint venture proposta com a Delta Airlines – que possui uma participação de 20% no grupo LATAM Airlines – pretende incluir Latam Airlines, Latam Airlines, Latam Airlines, Colômbia, Latam Airlines Equador e Latam Airlines Peru.

Permitirá, por exemplo, acordos de token compartilhado entre as afiliadas da Delta e da LATAM; Os terminais combinados no Terminal 4 em New York JFK e Terminal 3 em São Paulo Guarulhos; …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.