Inundações no Brasil: fortes chuvas são esperadas e o número de mortos chega a 107



CNN

Espera-se mais chuva forte Brasilenquanto o país sul-americano enfrenta as repercussões mortais do mau tempo da semana passada que submergiu bairros inteiros.

Fortes chuvas e inundações mataram pelo menos 107 pessoas no estado do Rio Grande do Sul, no Brasil, desde a semana passada, informou a agência de defesa civil do estado na manhã de quinta-feira.

Cerca de 1.476 mil pessoas foram afetadas, segundo a Defesa Civil, e pelo menos 754 pessoas ficaram feridas e cerca de 164 mil ficaram desabrigadas. Pelo menos 134 pessoas ainda estão desaparecidas.

As inundações catastróficas foram acompanhadas por agitação social, com pelo menos 47 pessoas presas por saques e outros crimes no meio do caos. A agência oficial de notícias brasileira informou que seis dos detidos eram suspeitos de cometerem agressões sexuais em abrigos para pessoas cujas casas foram afetadas pelas inundações.

Mas as autoridades apelam às pessoas resgatadas das cheias para que não regressem às suas casas, alertando que se espera mais chuva.

De sexta a domingo, chuvas fortes são esperadas novamente entre o leste e centro-norte do Rio Grande do Sul, com algumas áreas esperando 100 milímetros (cerca de 4 polegadas) de chuva forte, disse o Instituto Nacional de Meteorologia na noite de quarta-feira.

“É importante destacar que os volumes de chuva esperados podem causar novos distúrbios em áreas que já foram afetadas anteriormente”, disse um comunicado do INMET.

O recorde de chuvas que atingiu a região está ligado ao El Niño, fenômeno climático natural que aquece as águas do Oceano Pacífico e tende a trazer fortes chuvas para o Sul do Brasil. O aquecimento global a longo prazo, causado principalmente pela queima de combustíveis fósseis pelos seres humanos, também exacerbou as condições climáticas extremas na região.

READ  Após ser adquirido pelo BuzzFeed, o HuffPost fecha as versões do Brasil e da Índia - TechCrunch

Com muitas comunicações perdidas no sul do Brasil devido às tempestades, o CEO da SpaceX, Elon Musk, também anunciou em um post na quinta-feira que a Starlink doará 1.000 terminais de internet para equipes de emergência na região.

Segundo o governo do estado do Rio Grande do Sul, a reconstrução exigirá o equivalente a US$ 3,7 bilhões.

O Sistema Nacional de Emergência disse na noite de quarta-feira que as recentes tempestades também inundaram partes do vizinho Uruguai, deslocando cerca de 1.347 pessoas e cortando a energia de milhares de outras.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *