Brasil registra 51.050 novos casos de Covid-19 e mais 1.308 mortes

O Brasil registrou 51.050 novos casos de COVID-19 e 1.308 mortes pela doença nas últimas 24 horas, elevando os números nacionais para 1.008.676 e 244.765, respectivamente, informou o Ministério da Saúde nesta sexta-feira.

O Brasil, que tem o segundo maior número de mortes por coronavírus no mundo depois dos Estados Unidos, teve uma média diária de mais de 1.000 mortes no mês passado.

O estado de São Paulo, epicentro da epidemia nacional, registrou 196.564 casos e 57.499 mortes desde a descoberta do primeiro caso no estado em 26 de fevereiro de 2020. Na sexta-feira, o governo do estado revisou parte do plano de emergência contra a COVID -19, ampliando as restrições em cidades do interior, como Barretos e Presidente Prudente, por questões antigas.

O município de Araraquara está em completo bloqueio devido ao aumento do número de internações e à descoberta de 12 casos da variante amazônica transmitidos pela comunidade, mais contagiosa, segundo especialistas.

Enquanto isso, autoridades da capital paulista e de sua região metropolitana suspenderam a proibição da venda de bebidas alcoólicas entre 20h e 22h em bares e restaurantes, que vigorava desde o início de fevereiro.

E no estado da Bahia, no nordeste, um toque de recolher noturno de duas semanas foi imposto para limitar a propagação do vírus.

O estado registrou 647.384 casos e 11.060 mortes pela doença.

(Apenas o título e a imagem deste relatório podem ter sido reformulados pelo Business Standard; o restante do conteúdo é gerado automaticamente a partir de um feed compartilhado.)

Caro leitor,

A Business Standard sempre se esforçou para fornecer as informações e comentários mais recentes sobre os acontecimentos que interessam a você e que têm implicações políticas e econômicas mais amplas para o país e o mundo. Seu incentivo constante e comentários sobre como podemos melhorar nossas ofertas fortaleceram nossa determinação e compromisso com esses ideais. Mesmo durante esses tempos desafiadores que surgiram com a Covid-19, continuamos nosso compromisso em mantê-lo atualizado com notícias confiáveis, opiniões confiáveis ​​e comentários perspicazes sobre questões relevantes.
No entanto, temos um pedido.

READ  Brasil concorda em medir cortes de energia

À medida que combatemos o impacto econômico da pandemia, precisamos mais do seu apoio, para que possamos continuar a fornecer-lhe mais conteúdo de qualidade. Nosso formulário de inscrição teve uma resposta encorajadora de muitos de vocês, que se inscreveram em nosso conteúdo online. Mais assinaturas de conteúdo online só podem nos ajudar a atingir nossos objetivos de fornecer conteúdo melhor e mais relevante. Acreditamos em uma imprensa livre, justa e confiável. Apoiá-lo com mais compromissos pode nos ajudar a praticar o jornalismo ao qual aderimos.

Suporte de imprensa e qualidade Assine o Business Standard.

Editor digital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *