Arábia Saudita está construindo uma cidade sem carros

Da redação
[email protected]

São Paulo – O Reino da Arábia Saudita, maior exportador mundial de petróleo bruto, se comprometeu a construir a “The Line”, uma eco-cidade com zero carros e ruas livres de carbono no noroeste do país. Uma área turística futurística, o NEOM é um dos muitos projetos de desenvolvimento maciço em andamento para diversificar a economia saudita, que depende em grande parte do petróleo.

“Como presidente do NEOM, apresento a vocês The Line. O príncipe herdeiro Mohammed bin Salman disse em um comunicado televisionado:“ Uma cidade com uma população de um milhão de pessoas e um comprimento de 170 km que preserva 95% da natureza dentro do NEOM. ”

“Não haverá carros, ruas, nem emissões de carbono”, acrescentou. O Reino da Arábia Saudita é a economia líder do mundo árabe e também está entre os países mais poluentes e tem tomado medidas para se tornar mais sustentável. “Devemos transformar nossas cidades nas cidades do futuro”, disse ele, referindo-se a uma “revolução na vida urbana”.

Salman confirmou que mais detalhes sobre o plano serão revelados posteriormente, antes que as imagens computadorizadas da linha e paisagens de desertos e mares azuis sejam mostradas.

A cidade de pedestres terá instalações como escolas, centros de saúde e espaços verdes, bem como transporte público de alta velocidade – e a viagem dentro da cidade não deve levar mais de 20 minutos, de acordo com um comunicado de imprensa.

O novo centro urbano será movido por inteligência artificial (IA) e contará com empreendimentos urbanos positivos em carbono movidos a energia 100% limpa.

A construção da linha terá início no primeiro trimestre de 2021 e será financiada pelo Fundo de Investimento Público (PIF) da Arábia Saudita, que visa diversificar a economia do país.

READ  Sony, mostre-me o fundo, recuperou $ 400.000 em ajuda COVID-19 no Brasil

O projeto vai contribuir com 380 mil empregos e 180 bilhões de riais sauditas (US $ 48 bilhões) para o PIB até 2030, de acordo com o comunicado. Descubra mais.

Veja o anúncio:

Traduzido por Miranda Gilherme

O Conselho Real Saudita / Agência Anadolu por meio da Agência Francesa de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *