Turistas estrangeiros vêm mais ao Brasil do que investidores

O primeiro ano do terceiro mandato do presidente Luiz Inácio Lula da Silva registrou gastos recordes de turistas estrangeiros no Brasil, segundo o banco central. um relatório nas contas externas – que também mostrou uma queda nos investimentos estrangeiros diretos (Leia mais abaixo).

Os turistas internacionais gastaram 6,9 mil milhões de dólares no país em 2023, um aumento de 39,5% em relação a 2022 e o valor mais elevado de sempre (desde 1995). O pico anterior foi registrado em 2014, ano em que o Brasil sediou a Copa do Mundo FIFA. Naquele ano, os turistas pagaram US$ 6,84 bilhões por produtos e serviços no país.

A melhor notícia é que o fluxo de viajantes internacionais para o Brasil está próximo do que era no período pré-pandemia.

Segundo dados do Conselho Brasileiro de Turismo, Imperator, e da Polícia Federal, 5,9 milhões de turistas estrangeiros chegaram à maior economia da América Latina no ano passado. Em 2019, o Brasil recebeu 6,3 milhões de visitantes internacionais. Isso alinha a recuperação do Brasil com as expectativas globais.

De acordo com a primeira medida da OMT, o turismo internacional terminou 2023 a 88 por cento dos níveis pré-pandemia, com as receitas globais a atingirem 1,4 biliões de dólares, cerca de 93 por cento dos 1,5 biliões de dólares gerados pelos destinos em 2019. é esperado Em 2024.

Lazer (46 por cento) e visitas familiares (34,2 por cento) foram os motivos que mais trouxeram viajantes do exterior ao país no ano passado, segundo o Imperator. Os negócios foram o terceiro principal motivo, respondendo por 12% das viagens.

Os gastos dos brasileiros no exterior também aumentaram, mas ainda estão abaixo dos níveis pré-pandemia. Os turistas brasileiros gastaram 14,5 mil milhões de dólares em 2023, um aumento de 19,3 por cento face ao mesmo mês do ano anterior, mas ainda inferior ao valor registado em 2019 de 17,59 mil milhões de dólares.

READ  Cybersource e Ebanx são parceiros no Brasil para comerciantes de e-commerce globais

O presidente do Imperator, Marcelo Freixo, diz que está trabalhando para ampliar a conectividade aérea internacional para aumentar o número de visitantes estrangeiros no Brasil. “Este é um dos maiores desafios que enfrentamos. Converso quase diariamente com as companhias aéreas sobre os preços dos combustíveis e as formas de o conseguir.

Fabian Zeola Menezes

Fabian, ex-editor-chefe do LABS (Latin American Business Stories), tem mais de 15 anos de experiência em reportagens sobre negócios, finanças, inovação e cidades no Brasil. Este último recentemente a trouxe de volta à sala de aula e fez com que ela fizesse mestrado em Gestão Urbana pela PUCPR. Na TBR, você monitora a política econômica, as empresas revolucionárias e as pessoas que impulsionam a inovação na América Latina.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *