SG e-sports está de volta ao cenário competitivo do Dota 2 após um hiato de um ano

A organização brasileira SG e-sports está de volta à arena competitiva do Dota 2 com a contratação do Team Brasil.

A SG e-sports encerrou suas atividades em novembro de 2019, quando a filial do Dota 2 foi fechada, e também convidou jogadores de RB6, Hearthstone e PUBG. A decisão veio após um ano de dificuldades para se manter à frente do cenário competitivo da América do Sul e uma campanha fracassada nas eliminatórias para o The International 2019.

“Isto não é um adeus” Ele disse O SG e-sports em 13 de novembro de 2019, quando anunciou a dissolução da divisão do Dota 2. A organização prometeu aos fãs que esperariam pacientemente o momento certo para voltar. “Fique tranquilo que, quando surgirem novas oportunidades, estaremos atentos”, afirmaram, e pouco mais de um ano depois voltaram com a demissão de dois de seus ex-jogadores.

A equipe de cinco membros do Brasil começou a temporada competitiva 2019-2020 sob a bandeira dos esportes NoPing, mas em meados de junho de 2020, a organização se juntou a várias outras equipes que divulgaram suas listas durante a pandemia e derrubaram toda a equipe. Apesar do NoPing e-sports Citar Na época, pelos “motivos pessoais dos jogadores” para se afastarem do competitivo cenário do Dota 2, os cinco jogadores já continuavam a competir juntos sem um patrocinador para apoiar suas carreiras nos torneios online. A longa jornada valeu a pena e logo após chegarem às Grandes Finais da sexta temporada do Movistar Liga Pro Gaming, eles foram contratados pela SG e-sports.

SG Electronic Sports List:

  • GilhermeCostabilly“Costabilly
  • Adriano Di Paola ”4dMachado
  • DaniloKingrd” Nascimento
  • ThiagoTiolicure“carne de ovelha
  • MatthewsKJDenise

READ  Grande Prémio de Portugal prepara-se para 2 de maio, Fórmula 1 permite espectadores | Esportes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *