Polícia brasileira inicia investigação após morte de fã de Taylor Swift durante show

Autoridades iniciaram uma investigação sobre uma empresa de entretenimento brasileira depois que um fã morreu durante um show que ela produziu para Taylor Swift na semana passada. De acordo com a NBC News.

Autoridades do Rio de Janeiro disseram ao veículo na quarta-feira que estão investigando a Time4Fun, organizadora dos shows da Eras Tour no país sul-americano.

Um porta-voz da Polícia Civil disse que a Seção de Delegações do Consumidor está investigando se a empresa de entretenimento cometeu um “crime de colocar em risco a vida e a saúde” de seus frequentadores de shows.

O ator acrescentou: “Os organizadores do evento serão chamados a prestar depoimento e novas diligências estão sendo tomadas para apurar os fatos”.

No entanto, segundo a NBC, a investigação não está diretamente relacionada com a morte de Ana Clara Benevides, fã de Taylor Swift que faleceu no dia 17 de novembro após sofrer uma parada cardíaca devido às altas temperaturas em meio à apresentação de “Cruel Summer” da cantora. .

A Page Six entrou em contato com representantes da Time4Fun para comentar, mas não recebeu uma resposta imediata.

Ana Clara Benevides morreu no dia 17 de novembro, em um show de Swift, após sofrer uma parada cardíaca devido ao calor extremo. Ana Clara Benevides/Instagram

Empresa Eles emitiram uma longa declaração em seu site A parte portuguesa de quinta-feira traduzida para inglês diz: “O conforto, a segurança e o bem-estar dos nossos clientes e colaboradores são sempre as nossas prioridades.

E acrescentou: “Em relação aos acontecimentos no Rio de Janeiro, pedimos desculpas aos torcedores que não tiveram a melhor experiência possível”.

Sobre Benevides, de 23 anos, disseram: “Estamos completamente arrasados ​​​​com a perda… apesar do pronto atendimento e de todos os esforços das equipes médicas no evento e posteriormente no hospital”.

READ  Como assistir ao jogo Brasil x Uruguai: transmissão ao vivo gratuita, cronograma das Eliminatórias da Copa do Mundo da CONMEBOL
Benevides e todos os outros torcedores não conseguiram levar garrafas de água para o estádio, apesar das altas temperaturas. Daniele Menin via O Correio News

Os organizadores afirmaram em seu comunicado que esta foi “a primeira vez em mais de 40 anos de operações” que uma morte foi relatada em um de seus eventos.

“Estamos à disposição dos familiares para prestar toda a assistência necessária que necessitem”, afirma ainda o comunicado, acrescentando que foram orientados pelos familiares de Benevides a falar com eles através dos seus advogados.

A empresa de entretenimento acrescentou: “Compreendemos a profunda dor desta perda irreparável, respeitamos a privacidade da família e reforçamos o desejo da T4F de cooperar tanto com a família como com as autoridades responsáveis, que ainda estão a trabalhar para determinar a causa da morte”.

Os organizadores do show de Swift disseram que estavam “profundamente arrasados ​​com a perda” de Benevides. Getty Images para gerenciamento de direitos TAS

O CEO da Time4Fun, Seraphim Abreu, também Ela divulgou uma mensagem de vídeo Através da conta da empresa no Instagram na quinta-feira, ele teria dito em português: “Sabemos da enorme responsabilidade que temos em organizar um evento desta magnitude, e é por isso que não poupamos nossos esforços ou recursos para seguir as melhores práticas globais em nossa indústria para garantir conforto e segurança para todos.

Após a morte de Benevides, os organizadores foram criticados por não permitirem que os espectadores levassem garrafas de água para o estádio lotado, apesar do calor sufocante.

As temperaturas durante o concerto de 17 de novembro atingiram 43,8 graus Celsius, mas pareciam 59,7 graus Celsius, o que equivale a cerca de 140 graus Fahrenheit.

O pai de Benevides, Winnie Machado, disse a um meio de comunicação brasileiro após a morte de sua filha: “Não tenho palavras para expressar minha dor. “Ela saiu de casa para perseguir seu sonho e voltou morta.”

READ  One Piece Red está disponível para compra digital ainda este mês

“Quero saber se eles estão realmente proibidos de buscar água e se há negligência na assistência”.


Para mais informações da página seis que você gosta….


A Time4Fun modificou suas políticas em relação às próximas festas, Escrevendo no Instagram Em português no dia 18 de novembro, “Também será permitida a entrada no estádio com copos de água lacrados e alimentos industrializados lacrados, sem restrição de itens por pessoa. Esclarecemos que a obrigatoriedade de lacre de itens segue recomendações de segurança.

Swift disse anteriormente em suas histórias no Instagram que estava “de coração partido” com a perda de Benevides. Taylor Swift/Instagram
A pop star ainda tem mais três shows no Brasil na etapa internacional de sua Eras Tour. Getty Images para gerenciamento de direitos TAS

Swift, 33, tem mais três shows no Brasil De acordo com sua localização turística Está programado para ser realizado em São Paulo, de sexta a domingo.

A vencedora do Grammy disse nas redes sociais que ficou “de coração partido” após a morte de Benevides.

“Não consigo nem dizer o quanto estou triste com isso”, acrescentou ela na época.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *