Neymar supera Pelé como maior artilheiro da história do Brasil

Neymar não tinha certeza se voltaria a jogar pelo Brasil. Ele agora é o artilheiro da seleção masculina. (Foto AP/Bruna Prado)

Neymar tem um novo lugar na história do futebol brasileiro.

A estrela do Al Hilal marcou duas vezes na vitória do Brasil por 5 a 1 sobre a Bolívia na sexta-feira, com o primeiro gol superando Pelé e se tornando o maior artilheiro de todos os tempos da seleção brasileira. Neymar entrou na partida empatado com Pelé, falecido em dezembro passado, com 77 gols na carreira.

O gol histórico veio aos 61 minutos, quando Neymar chutou uma bola que passou por seu companheiro Rodrigo, dando ao Brasil uma vantagem de 4 a 0. Comemore o gol imitando o soco de Pelé no ar.

Neymar marcou mais um gol nos acréscimos.

Este evento vem com algumas pequenas ressalvas. Imprensa Associada A Confederação Brasileira de Futebol observa que Pelé marcou 95 gols em 114 partidas durante sua carreira – em vez de 77 gols em 92 partidas – mas a FIFA não contabiliza os amistosos que disputou pela seleção nacional contra clubes. Enquanto Neymar agora lidera a tabela de artilheiros de todos os tempos da seleção masculina brasileira, Marta continua sendo a maior goleadora do país, com 115 gols pela seleção feminina.

No entanto, sexta-feira marcou uma ocasião importante para uma das maiores estrelas do Brasil. Foi um ano agitado para o ex-finalista da Bola de Ouro, já que ele foi uma das várias grandes estrelas a fazer uma transferência lucrativa para a Liga Profissional Saudita durante a recente janela de transferências.

Neymar, que passou por uma cirurgia no tornozelo em março passado, também disputou sua primeira partida pela seleção nacional desde a decepcionante derrota do Brasil nas quartas de final para a Croácia na Copa do Mundo de 2022, no Catar. Ele ficou claramente angustiado após o apito final, tendo igualado a marca de 77 gols de Pelé no início da partida, mas perdendo a chance de quebrar o recorde no maior palco do mundo.

READ  A morte do ex-técnico do Porto Artur Jorge

Perder já foi difícil como Neymar Ele admitiu que não tinha certeza sobre seu futuro no BrasilQue não levanta a Copa do Mundo desde 2002, mas acabou decidindo jogar novamente pelo seu país. Ele não teve que esperar muito para vivenciar um evento especial.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *