Ministro do Esporte do Brasil foi demitido cinco meses antes das Olimpíadas

RIO DE JANEIRO (Reuters) – O chefe de gabinete da presidência brasileira, Jack Wagner, disse nesta quarta-feira que o ministro dos Esportes, George Hilton, foi demitido de seu cargo apenas cinco meses antes de seu país sediar as Olimpíadas no Rio de Janeiro. Hilton provavelmente será substituído por Ricardo Lesser, um alto funcionário do Ministério do Esporte que gerencia os preparativos para as Olimpíadas, disse Wagner em uma ampla entrevista coletiva com a mídia estrangeira no Rio. Hilton não foi encontrado imediatamente para comentar. Mas Ugo Braga, um de seus assessores, disse que a presidente Dilma Rousseff informou Hilton sobre sua decisão durante uma reunião na noite de terça-feira. Sua saída ocorreu depois que Hilton se retirou do Partido Republicano Brasileiro, que fazia parte da coalizão governista liderada por Dilma Rousseff, na sexta-feira. O PRB se separou da coalizão governista de Dilma Rousseff na semana passada e o ministro renunciou ao partido para manter o cargo. Dilma Rousseff, que está tentando preservar sua coalizão enquanto luta contra o impeachment, demitiu Hilton na tentativa de cortejar o PRB, disseram vários membros do partido sob condição de anonimato porque não estavam autorizados a falar publicamente sobre o assunto. A saída de Hilton é um sinal de como as consequências da escalada da crise política no Brasil impactarão os preparativos do país para as primeiras Olimpíadas Sul-Americanas, em agosto. Hilton, nomeada em janeiro de 2015, foi criticada por sua aparente falta de experiência esportiva. “Posso não entender profundamente os esportes, mas entendo as pessoas e sei ouvir”, disse ele em seu discurso de agradecimento. O potencial sucessor de Hilton, Lesser, foi responsável pela coordenação da organização das Olimpíadas Rio 2016 dentro do departamento. Exceto por um breve hiato de seis meses, ele é Secretário de Esportes Profissionais do Ministério desde 2009.

READ  Alemanha, Brasil e Tailândia: o T20 é o carro que leva o críquete a novas alturas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *