Juiz Moraes do Supremo Tribunal Federal abre investigação criminal sobre o caso Elon Musk e exige que X cumpra ordem judicial – JURISTA

O juiz do Supremo Tribunal Federal do Brasil, Alexandre de Moraes, abriu uma investigação criminal no domingo sobre o proprietário da Empresa. A decisão de Moraes ocorre em meio a… Investigando desinformação O STF está investigando se o ex-presidente brasileiro Jair Bolsonaro tentou incitar um golpe após sua derrota nas eleições presidenciais de 2022 no país.

Moraes alegou que atores antidemocráticos usaram plataformas de mídia social e serviços de mensagens privadas para minar a democracia no Brasil. Ele acrescentou que os administradores das redes sociais podem estar sujeitos a responsabilidade criminal se incitarem ou se envolverem em comportamento antidemocrático.

A justiça alegou que Musk resolução Para suspender as restrições ordenadas pelo tribunal às contas X afetadas que incitaram à “obstrução da justiça” como parte de uma “campanha de desinformação”. Em resposta, Moraes ordenou que Musk fosse incluído na atual investigação de desinformação e em uma nova investigação criminal. Também proibiu X de desobedecer qualquer ordem judicial e determinou que a empresa seria multada em R$ 100 mil por dia por conta caso algum perfil bloqueado permanecesse desbloqueado.

Musk criticou fortemente as restrições. Arneses Eles as descreveram como “as demandas mais duras de qualquer país da Terra”. O proprietário X também tem Nomeado para impeachment de Moraes, repetindo alegações de que o mandado de justiça é ilegal no sistema judicial brasileiro Marco Civil da Internet E Constituição Federal.

Foi a Polícia Federal Brasileira Investigação O papel dos atores antidemocráticos na disseminação da desinformação no país desde 2021. A Força-Tarefa Especial também estava investigando os eventos que levaram à invasão do Congresso brasileiro, do Supremo Tribunal Federal e dos edifícios presidenciais em 8 de janeiro de 2023, instigados por Bolsonaro apoiadores. As denúncias de fraude do ex-presidente, ocorridas uma semana após a posse do atual presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

READ  Solução conveniente para rastreamento de correspondência "Rastreio Correio"

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *