João Moreira aproveita o arremesso final em Ascot, já que o piloto brasileiro liderará o resto do mundo contra Frankie Dettori na Europa na Copa Shergar

João Moreira aproveita o arremesso final em Ascot, já que o piloto brasileiro liderará o resto do mundo contra Frankie Dettori na Europa na Copa Shergar

Por Dominic King para o Daily Mail

23h27 de 11 de agosto de 2023, atualizado às 23h27 de 11 de agosto de 2023

  • João Moreira espera reatar a amizade com Frankie Dettori
  • Os dois são amigos desde que se conheceram no Prêmio do Arco do Triunfo de 2005
  • Dettori, 52, vai se aposentar no Hong Kong International em dezembro

Chamam João Moreira de Mago pelas suas conquistas na sela, mas ele já desistiu de acreditar em milagres.

Moreira liderará o resto do mundo na Shergar Cup no sábado, o único evento anual em Ascot que reúne pilotos de todos os cantos para competir em equipes de três, e ele está ansioso para reatar sua amizade com Frankie Dettori, que ser da Europa. mestre.

Os dois são amigos desde que se conheceram no Prix de l’Arc de Triomphe de 2005 e a linha de chegada está à vista para os dois homens em termos de suas carreiras.

Dettori, 52, vai se aposentar no Hong Kong International em dezembro e Moreira, 39, deve continuar no mesmo dia.

O brasileiro, que construiu sua reputação no Extremo Oriente, luta contra um problema crônico no quadril que causa desconforto crescente, e esta será sua última visita a Ascot. Ele está determinado a saborear cada segundo.

João Moreira vai liderar o resto do mundo na Shergar Cup no sábado em Ascot

“Esta é minha terceira tentativa na Shergar Cup e adoro estar na Inglaterra, cara”, disse Moreira, que supera suas chances de vencer hoje em cinco rodadas no La Yaquil treinado por William Hagas no Shergar Cup Challenge.

READ  Norwich City: Seu nome é Marquinhos, lateral do Arsenal, da Seleção Brasileira Sub-20

“A corrida aqui é história. Há centenas de anos de tradição, e em todo o mundo você vê este curso dar um show de verdade. Eu queria correr aqui mais ao longo dos anos, mas não consegui se dê bem com os treinadores e proprietários para me colocar em seus cavalos.

Tenho um problema no quadril e não existe milagre que resolva. Vou apenas pedalar o máximo que puder e me divertir com isso. A última vez que estive aqui (2018) quase levei a sela de prata (para o piloto com mais pontos), mas Hayley Turner me pegou. Eu quero ir melhor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *