Evento que discute violência contra jornalistas no Brasil – Jornal da USP

Você pode encontrar uma conta no quadriênio da Escola de Comunicações e Artes da USP, 29 de novembro, 14 horas, com transmissão online via Youtube

Usar processos judiciais para fortalecer a fiscalização de jornalistas é tema de evento na Universidade do Pacífico Sul – Foto: Macor/123RF

.
A questão da violência contra jornalistas no Brasil é tema do simpósio Violência estatal contra jornalistas e impressores, será concluído entretanto no dia 29 de novembro, ao longo das 14 horas, na presença de Paolo Emilio da Escola de Comunicações e Artes (ECA) da Universidade do Pacífico Sul. Evento de apresentação do professor Lucio Martins Rodríguez, 443, 2° Andar, na Universidade Cidade, Ilha Butantã, em São Paulo. Mover canal online para Youtube para CJE Neste link.

Por acordo com os organizadores, A Violência contra jornalistas e mídia no Brasil é notadaO uso de procedimentos judiciais para aumentar a censura e a autocensura de jornalistas e meios de comunicação, também chamada Assédio judicial. Porém, como as categorias criadas são um tipo de violência estranho, elas não são sancionadas ou acessadas por meio de dados, o que é arriscado.

Para compreender as características da violência prática, o simpósio pretende curar, levantando histórias de violência estatal contra a liberdade de comunicação, colocando-as no contexto do extremismo real, e dialogando com iniciativas de monitorização e defesa. Gomas Desas Iniciativas para monitorar e defender os direitos dos jornalistas e da informação são organizações profissionais e comunitárias como esta Meu horóscopo e a instituição recém-criada Batida de tornado.

Vale ressaltar que o evento conta com a presença da jornalista Letizia Sarmiento, responsável pelo acompanhamento dos casos de violência cometidos contra jornalistas pela Abraaj, da ativista de direitos humanos Thais Gasparyan, uma das fundadoras do Instituto Torna Foz, e do jornalista Fausto Salvadori, da Ponte Jornalismo . A organização é formada pelo Grupo Jornalismo, Direita e Liberdade (JDL) da ECA, liderado pelos professores Vitor Pluta e Eugenio Bucci.

Violência estatal contra jornalistas e impressores
No dia 29 de novembro de 2023, das 14h às 16h30
Auditório Paulo Emílio, nº 2, na central de entrega da ECA USP
Avenida Professor Lúcio Martins Rodriguez, 443, bairro Butantã, em São Paulo
Transferir canal online do Youtube para CJE Neste link.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *