Combinação de resultados em apostas esportivas

Combinação de resultados em apostas esportivas

Uma pesquisa recente analisou mais de 850 mil partidas de mais de 70 esportes ao redor do mundo e concluiu que o Brasil tinha o maior número de casos suspeitos. Viciação de resultados ano passado.

O caso mais indicativo é o escândalo relacionado à propina de jogadores que participaram do Campeonato Brasileiro da Série B em 2022, com o objetivo de influenciar os resultados de algumas partidas. O Ministério Público de Goiás está investigando essa questão, bem como a possível manipulação dos campeonatos gaúcho e mineiro.

Enquanto isso, em Brasília, o ministro da Economia, Fernando Haddad (PT), considera o setor de apostas online como potencial fonte de receita para melhorar a situação financeira. Ele anunciou planos para regulamentar e tributar essa atividade, que pode gerar receitas de até R$ 6 bilhões anuais.

Para falar sobre o mundo das apostas online, Natuzza Neri entrevista – em seu podcast “O Assunto” – Gabriela Moreira, repórter esportiva da Globo que teve acesso a documentos e gravações da apuração do caso Série B, e Pierpaolo Bottini, advogado e professor de direito penal na Universidade do Pacífico Sul.

Confira nosso podcast completo sobre viciação de resultados

Resumidamente, o episódio retrata os seguintes temas:

  • Gabriela relatou sobre a ação movida pelo Ministério Público de Goiás, que já indiciou 14 suspeitos (incluindo oito jogadores) por suposto esquema de manipulação de jogos da Série B, em que jogadores recebiam até R$ 150 mil em multas.
  • O jornalista questiona o mistério que envolve os donos das casas de apostas esportivas e o destino do dinheiro que vai para todas as propagandas relacionadas ao futebol.
  • Pierpaolo descreve o aumento dramático das apostas esportivas nos últimos anos, já que a atividade foi legalizada em 2018, mas ainda não regulamentada. Destaca a falta de regras societárias e a ausência de proteção ao consumidor.
  • Explica ainda o projecto do Ministério das Finanças de tributar as empresas de apostas, estabelecer mecanismos de prevenção do branqueamento de capitais no sector e criar um órgão de fiscalização.
READ  WEPaments e BTLAW discutem o mercado brasileiro de apostas esportivas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *