A Inglaterra venceu o Brasil nos pênaltis e conquistou a Copa Finalissima

LONDRES (Reuters) – A Inglaterra venceu o Brasil nos pênaltis na emocionante final feminina nesta quinta-feira, o segundo torneio internacional consecutivo que as Lionesses conquistam em um Estádio de Wembley lotado.

Empatadas em 1 a 1 no tempo integral, as leoas Sarina Wiegmann venceram o Brasil por 4 a 2 na disputa de pênaltis, melhorando sua invencibilidade para 30 jogos.

“Sinto-me privilegiado”, disse Wegman. “É um grande grupo, a equipa está muito empenhada e queremos aprender todos os dias e é muito bom fazer parte disso.”

A partida de quinta-feira, que atraiu 83.132 torcedores e lotou os torcedores no início de outubro, contou com as campeãs europeia e sul-americana e foi parte fundamental dos preparativos para a Copa do Mundo Feminina em julho e agosto.

Ella Tone marcou seu 16º gol pela Inglaterra aos 23 minutos, quando Lucy Bronze cortou a bola para seu companheiro de equipe para entrar da entrada da área de seis jardas.

Georgia Stanaway, Rachael Daley, Alex Greenwood e Chloe Kelly marcaram para a Inglaterra na disputa de pênaltis.

“É ótimo estar de volta aqui em Wembley na frente de nossos fãs”, disse Kelly. “Elas foram ótimas novamente esta noite. É minha casa, e as garotas fizeram uma ótima performance novamente esta noite, e nós apenas seguimos em frente.”

A goleira da Inglaterra e do Manchester United, Mary Erbes, disse que estava pronta para a disputa de pênaltis.

“Eu tinha que ser assim após os últimos minutos do jogo e não tive outra escolha”, disse Erbus. “Vencendo por bem ou por mal, então sim, muito feliz esta noite.”

Andressa Alves mandou o jogo para os pênaltis ao empatar aos 93 minutos, após acertar uma bola perdida que o goleiro Erbes teve dificuldade em controlar.

READ  David Luiz foi abordado pelo Flamengo pela ex-estrela do Arsenal e do Chelsea por causa de uma transferência gratuita para o retorno ao Brasil.

A noite viu um retorno ao local, com as Lionesses derrotando a Alemanha para vencer a Euro 2022 diante de 87.192 torcedores, um recorde para uma partida feminina na Europa.

Os torcedores comemoraram o que pensaram ser o segundo gol da Inglaterra no primeiro tempo, mas o chute de Lauren James para o alto da rede foi marcado como impedimento.

Canarinas, de Pia Sundage, recuperou a forma no segundo tempo e o atacante do Barcelona, ​​Jesse, teve a chance de fazer o empate na trave do goleiro Erbes.

Wiegmann disse que a partida de duas mãos foi a preparação perfeita para a Copa do Mundo.

“O primeiro tempo foi muito bom, e no segundo tempo tivemos muitos desafios”, disse ela. “Estou feliz, é uma coisa boa termos essa informação e estamos levando isso daqui.”

As Lionesses jogam contra a Austrália na terça-feira no Gtech Stadium em Brentford.

O Brasil enfrentará a Alemanha na terça-feira, em Nuremberg.

A Inglaterra estreou seu calção azul, que foi revelado no início da semana, depois que os jogadores expressaram preocupação em jogar de branco durante a passagem.

Reportagem de Laurie Ewing. Edição por Claire Fallon

Nossos padrões: Princípios de confiança da Thomson Reuters.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *