Uma dose de reforço é recomendada para maiores de 40 anos

O Comitê Técnico de Vacinação contra a Covid-19 recomenda “fortemente” um reforço na vacinação de pessoas com mais de 40 anos.

“A administração de uma dose de reforço em pessoas com mais de 40 anos e a priorização de idosos, pessoas com comorbidades e profissionais de saúde (…) deve reduzir o estresse esperado nos serviços de saúde associado à prevalência esperada da variante Omicron de ansiedade ”, disse o painel Técnico para Vacinação Covid-19 (CTVC) sobre a expansão da vacina de reforço.

Os dados mostram que, em 15 de dezembro de 2021, os maiores de 40 anos representavam 94,5% dos pacientes internados na enfermaria e 93,4% dos internados em terapia intensiva.

“Nesse ponto, é necessário continuar a maximizar a vacinação para as pessoas identificadas na estratégia de reforço da vacina e expandir a vacinação com doses de reforço para aqueles que podem se beneficiar mais”, diz o documento publicado no site da DGS.

Para o CTVC, o cenário de crescimento epidemiológico esperado com o advento do Omicron justifica a adaptação da dose de suporte, “priorizando as pessoas mais vulneráveis, também em linha com as recomendações do Centro Europeu de Controle e Prevenção de Doenças (ECDC)”.

READ  Neoenergia, Cteep, Energisa e Mez estão levando projetos no leilão de transmissão - Money Times

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.