TERMOS DE US0

CONHEÇA

EXPEDIENTE 

ANUNCIE

APOIE

FALE COM O BMB 

OPINIÃO 

BMB TV

PARCEIROS:

Todos os direitos reservados.

últimas notícias.

Banco de Brasília lança campanha para compra de respiradores

BRB já liberou mais de R$ 100 milhões por meio do Supera-DF

Confinamento e distanciamento social preocupam psicólogos

Governo usará dados de teles para monitorar circulação de pessoas

João Gabbardo: "Todo mundo vai ter contato com o vírus”

Governo "mudou eixo da economia", diz Paulo Guedes

1/5
Please reload

Solidariedade: Fundo arrecada R$ 3 milhões para cestas básicas em SP

Total captado é integralmente repassado para atenuar impactos da pandemia de COVID-19 em São Paulo, em parceria com Governo do Estado, prefeituras e entidades; iniciativa é de diversas organizações da sociedade civil

 

Da Redação, Bem Mais Brasília 
Brasil | 26 de Março de 2020, 09h30

 

Foto: Reprodução/Internet 

 

Principal epicentro da proliferação do coronavírus no País, o Estado de São Paulo ganha um canal para estimular doações que amenizem os impactos da pandemia no Estado: o movimento UniãoSP contra o Coronavírus . A iniciativa é de um conjunto de grupos e organizações da sociedade civil, que criaram um site para arrecadar doações.
 

Os recursos captados são integralmente repassados para atenuar os efeitos da disseminação da doença. Com menos de 24 horas de funcionamento, às 13h de quarta-feira (25.03), o movimento arrecadara exatos R﹩ 2.970.238,00, o equivalente a cerca de 50 mil cestas básicas. Os totais são constantemente atualizados na plataforma online.
 

Os interessados em colaborar podem doar valores de uma ou mais cestas básicas (cada uma em R﹩ 60). O site permite a doação cinco opções: uma cesta básica (R﹩ 60), duas (R﹩ 120), cinco (R﹩ 300), dez (R﹩ 600) e cem (R﹩ 6000).
 

É possível, ainda, que o interessado escolha o valor da doação. A operação pode ser feita via PayPal ou cartão de crédito, com toda segurança e privacidade.
 

Todas as organizações representantes do movimento trabalham voluntariamente e sem qualquer remuneração. A gestão financeira, sem nenhuma margem de retenção, está sob a responsabilidade do RenovaBR - um dos representantes do movimento.
 

"Estamos passando por um momento muito grave de nossa história. A solidariedade e o cuidado com o outro é a única forma de enfrentarmos o medo e a desesperança e superarmos tudo construindo um futuro melhor", diz Ana Maria Diniz, da Península Participações, outra empresa que integra o União SP.
 

"O foco foi estruturar uma solução rápida para que recursos privados cheguem às famílias mais vulneráveis afetadas pelo coronavírus. O alcance e a velocidade de disseminação dessa doença exigem respostas urgentes. Por isso resolvemos dedicar energia a ações de simples execução e alto impacto social. Nesse momento não dá para esperarmos que as coisas se resolvam sozinhas, a responsabilidade é de todos nós", explica Eduardo Mufarej, fundador do RenovaBR.
 

Em sua primeira fase, os recursos captados serão usados para comprar alimentos e produtos de higiene e limpeza para comunidades vulneráveis em São Paulo, em coordenação com o Governo do Estado, Prefeituras e entidades do 3º setor.
 

"Nosso diferencial é a união de forças entre ONGs, prefeituras e governo estadual, o que garante agilidade às ações, nos permite chegar a quem realmente precisa e ainda ajuda a fortalecer estruturas já existentes", diz Geyze Diniz, da Península Participações.
 


Como funciona o processo de doações
 

CAPTAÇÃO DE RECURSOS - As doações financeiras são feitas via plataforma online (www.uniaosp.org) com segurança, privacidade e transparência
 

NEGOCIAÇÃO PATA COMPRA DE INSUMOS - Com o volume arrecadado, o movimento 'União SP contra o Coronavírus' faz a negociação e compra de insumos junto a indústrias e atacadistas.
 

ENTREGA - A entrega dos produtos é feita em entrepostos para distribuição, conforme orientação do Estado de São Paulo.
 

DISTRIBUIÇÃO - A distribuição será realizada pelo Estado de São Paulo, Prefeituras e entidades parceiras.

Please reload

comente.
recomendados para você.

Banco de Brasília lança campanha para compra de respiradores

BRB já liberou mais de R$ 100 milhões por meio do Supera-DF

Confinamento e distanciamento social preocupam psicólogos

Governo usará dados de teles para monitorar circulação de pessoas

João Gabbardo: "Todo mundo vai ter contato com o vírus”

Governo "mudou eixo da economia", diz Paulo Guedes

1/1
Please reload