últimas notícias.

Nego Rainner faz show drive-in neste sábado, em Brasília

DF: Digital Influencer mirim arrecada donativos para comunidade carente

Show em formato drive-in terá como atração os Sertanejos Caio & Henrique

CNJ propõe regionalização e rodízio para juiz de garantias

Aneel dispõe de R$ 16,1 bi para ajudar distribuidoras na pandemia

Governo publica edital para pavimentação da BR-319, no Amazonas

1/5
Please reload

Manoel Messias vence Copa do Mundo de Triatlo, no Peru

Brasileiro triatleta fatura título inédito e se aproxima da vaga em Tóquio 2020

 

Por Claudia Soares Rodrigues, da Agência Brasil 
Esportes | 04 de Nov de 2019, 15h58

Foto: Reprodução 

 

O cearense Manoel Messias, do Time Brasil, conquistou o ouro neste domingo (3) na Copa do Mundo de Triatlo, em Lima, no Peru, ao ser o primeiro a cruzar a linha de chegada da corrida de 5km.  Foi a primeira vitória de Manoel Messias em Copa do Mundo, evento organizado pela International Triathlon Union (ITU), entidade que regulamenta o esporte. Em julho, o brasileiro conseguiu a medalha de prata na modalidade nos Jogos Pan-Americanos, também realizados na capital peruana.

 

Na Copa do Mundo, o triatlo abrange 750m de natação, 20km de ciclismo e 5km de corrida.  Embora não tenha se destacado nas duas primeiras provas, o cearense foi galgando posições na corrida, tornado a briga pelo ouro ainda mais emocionante. Nos 500m finais, Manoel Messias acelerou, deixando para trás o francês Felix Duchampt (que disputou com a bandeira da ITU por estar em processo de naturalização) e o suíço Florin Salvisberg. O brasileiro chegou em primeiro lugar ao completar o circuito em 52m30, apenas dois centésimos de segundo à frente do suíço Savisberg (52m32), que ficou com a prata.

 

Outros quatro brasileiros também competiram em Lima: Diogo Sclebin (24º colocado), Kauê Willy (25º), Reinaldo Colucci (26º) e Danilo Pimentel (37º).

 

Antes do Triatlo masculino houve a disputa feminina, cuja vencedora foi a japonesa Ai Ueda. A prata ficou com a ucraniana Yuliya Yelistratova e o bronze com a equatoriana Elizabeth Bravo. Das três brasileiras que competiram, Bia Neres obteve a melhor colocação: 22º lugar. Djenyfer Arnold completou o circuito na 36ª posição e Luma Guillen na 40ª.

 

 

Please reload

comente.
recomendados para você.

Nego Rainner faz show drive-in neste sábado, em Brasília

DF: Digital Influencer mirim arrecada donativos para comunidade carente

Show em formato drive-in terá como atração os Sertanejos Caio & Henrique

CNJ propõe regionalização e rodízio para juiz de garantias

Aneel dispõe de R$ 16,1 bi para ajudar distribuidoras na pandemia

Governo publica edital para pavimentação da BR-319, no Amazonas

1/1
Please reload

TERMOS DE US0

CONHEÇA

EXPEDIENTE 

ANUNCIE

APOIE

FALE COM O BMB 

OPINIÃO 

BMB TV