TERMOS DE US0

CONHEÇA

EXPEDIENTE 

ANUNCIE

APOIE

FALE COM O BMB 

OPINIÃO 

BMB TV

PARCEIROS:

Todos os direitos reservados.

últimas notícias.

Casos de dengue disparam no Brasil neste começo de ano

O perigo de fazer tatuagens para cobrir estrias

5 profissões que podem crescer dentro de um coworking

5 dicas para aliviar o estresse no trabalho

Câncer de colo do útero: 90% dos casos estão relacionados ao HPV

Conheça os benefícios do implante hormonal subcutâneo

1/5
Please reload

UFRJ produz pele humana para pesquisas

A técnica substitui animais como cobaias em testes de produtos

 

Por Carol Barreto, da Agência Brasil 
Ciência, Inovação e Tecnologia | 11 de Setembro de 2019 - 14:37h

Foto: Reprodução 

 

O campus do Fundão da UFRJ, Universidade Federal do Rio de Janeiro, ganhou o primeiro laboratório do país de bioengenharia de tecidos que vai disponibilizar pele reconstruída para testes em produtos.

 

O material produzido pela unidade será utilizado em substituição ao uso de animais como cobaias em testes de produtos.

 

O processo começa com a doação de restos de cirurgias plásticas para o laboratório. Daí se extraem os chamados queratinócitos. Essas células são cultivadas em placas de cultura e, depois de 17 dias em contato com o ar, se proliferam, formando múltiplas camadas de pele.

 

O laboratório, situado no campus da UFRJ, será gerido pela Episkin, uma subsidiária da L’Oréal. Sua inauguração constitui antecipação do prazo do dia 24 de setembro dado pelo CONCEA, Conselho Nacional de Controle de Experimentação Animal, para o fim do uso de animais em testes de segurança sempre que haja uma alternativa validada.

 

Em três anos de atividade da Episkin no Brasil, mais de 5 mil tecidos de pele reconstruídos foram gerados e utilizados no treinamento de mais de 100 pesquisadores no país e no Mercosul, o que possibilitou a implementação de métodos alternativos em diversos laboratórios interessados em reduzir ou substituir os testes em animais.

 

Com a inauguração de sua nova unidade de produção, essa capacidade aumentará para 10 mil unidades por ano.

 

 

Please reload

comente.
recomendados para você.

Casos de dengue disparam no Brasil neste começo de ano

O perigo de fazer tatuagens para cobrir estrias

5 profissões que podem crescer dentro de um coworking

5 dicas para aliviar o estresse no trabalho

Câncer de colo do útero: 90% dos casos estão relacionados ao HPV

Conheça os benefícios do implante hormonal subcutâneo

1/1
Please reload