Portugal descobre os primeiros casos da variante brasileira COVID-19, segundo a SIC TV

A Radio and Television Corporation (SIC) informou que os dois primeiros casos do novo tipo brasileiro do vírus Corona foram descobertos em Portugal, nesta quarta-feira, duas semanas após a suspensão de todos os voos de e para o país sul-americano. A SIC informou que os dois casos da variante brasileira foram detectados na região de Lisboa e as autoridades de saúde já foram informadas pela Unilabs, um provedor de diagnóstico privado que realiza a maioria dos testes de coronavírus em Portugal.

A SIC disse que o instituto de pesquisas em saúde pública do país, Ricardo Jorge, analisará amostras da Unilab. Unilabs não foram encontrados para comentar. Os voos entre Portugal e o Brasil foram suspensos de 29 de janeiro a 14 de fevereiro para evitar a propagação das variantes do COVID-19.

Apenas voos humanitários e de repatriação são permitidos, visto que os viajantes devem apresentar teste COVID-19 negativo 72 horas antes do embarque e ficar em quarentena por 14 dias após a chegada a Portugal. A variante brasileira compartilha algumas características com as mutações de alta transmissão que foram descobertas pela primeira vez na Grã-Bretanha e na África do Sul, ambas já presentes em Portugal.

Portugal teve um desempenho melhor do que outros países da Europa na primeira onda da pandemia, mas 2021 causou um surto devastador de feridos e mortes, em parte devido à rápida disseminação da variante do Reino Unido. Mais de 14.700 pessoas morreram de COVID-19 no país até agora, com o número acumulado de infecções desde o início da pandemia em quase 775.000.

(Esta história não foi editada pela equipe Devdiscourse e gerada automaticamente a partir de um feed compartilhado.)

READ  Cantor Geneval Lacerda morre aos 89 anos em Recife | status

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *