Paulo Dybala escolhe PSG, Portugal ou Itália para perder o Mundial

Bom dia amantes do futebol

O técnico da Itália, Roberto Mancini, está insatisfeito com o fato de seu time estar nos play-offs.

No entanto, Mancini está confiante de que a equipe que ele formou é capaz de contornar a Macedônia do Norte.

Na segunda-feira, ele disse: “Nós não deveríamos estar aqui.

“Tenho jogadores talentosos que ganharam do nada que ninguém acreditava.

“Não garante acesso à Copa do Mundo, mas é uma base sólida.”

Mas Giorgio Chiellini alertou seus colegas italianos para não subestimarem a Macedônia do Norte.

Ele disse: “Precisamos de humildade, porque a Macedônia do Norte não está aqui por coincidência, existem jogadores que conhecemos e conhecemos através do futebol em seus clubes.

Em outros lugares, Gareth Bale revelou que o jogo crucial do País de Gales na Copa do Mundo contra a Áustria é um dos maiores jogos de sua carreira.

A estrela do Real Madrid disse: “Será definitivamente um dos maiores jogos em que joguei.

“A classificação para a Copa do Mundo é algo que quero alcançar para os torcedores, para o país. É definitivamente um grande jogo, todos queremos ter um bom desempenho.”

Bale estava em dúvida para a partida de hoje, mas declarou que estava animado para ir depois de experimentar algumas “interrupções”.

Bell declarou: “É normal ter algum nervosismo.

“Estou treinando há dois meses e meio.

“Estou em muito melhor forma do que no último acampamento, onde estive fora por cerca de três meses. Estou pronto para jogar o que for necessário amanhã.”

Esta é uma má notícia para o colega de Bale no Real Madrid e estrela austríaca David Alba, que teme que Bale estrague as chances de seu país por conta própria.

READ  Lucro da EDP Renováveis ​​cresce 18%

“Gareth pode decidir os jogos sozinho e nem sempre é fácil detê-lo, mas queremos nos concentrar em nós mesmos e no nosso jogo”, disse Alba.

No entanto, a mídia espanhola criticou Bale por sua preparação para enfrentar a Áustria, mas ele não estava apto para a partida do Real Madrid contra o Barcelona na semana passada.

O craque do Real Madrid foi criticado na Espanha, com seu retorno sendo apelidado de “milagre do País de Gales”.

Outro jornal publicou a manchete: “Não dói mais”.

Por fim, o seleccionador de Portugal, Fernando Santos, expressou a sua confiança de que Portugal vai conquistar vitórias quando defrontar a Turquia.

Santos disse: “O que sempre aconteceu com a seleção portuguesa é uma pressão positiva.

“Nas duas pontas em que estivemos, vencemos. Nas eliminatórias, as decisivas, sempre demos uma resposta positiva, exceto no último jogo (contra a Sérvia).

“Esses jogadores são muito experientes e não se deixam influenciar”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.