Indicado ao Oscar Bill Plimpton Quirino Vencedor Cesar Cabral Série ‘Guard Dog’ (Exclusivo)

Indicado ao Oscar duas vezes Bill Plimpton (“Your Face”, “Guard Dog”) fez parte da série “Guard Dog & Bill Plympton in Brazil”, dirigida pelo animador brasileiro César Cabral.

O filme Stop-Motion de Cabral “Pop Spit: We Don’t Like People” ganhou o prêmio de Melhor Longa-Metragem no Quirino Awards em maio passado.

Mais de Variety

Atualmente, em pré-produção, “Guard Dog” segue o famoso título de cão amarelo ansioso ou neurótico te junto com seu criador, Plympton. “A ideia geral da série é trazer o Cão de Guarda e seu dono – neste caso o próprio Plympton – para passear pelas cidades brasileiras e tirar suas impressões turísticas e artísticas do nosso país”, disse o diretor Cabral. diverso.

A coprodução da Coala Filmes e da Cup Filmes é apoiada pelo Fundo Setorial do Audiovisual (FSA) da Autoridade Federal de Incentivo.

A ser exibida na TV paga do Canal Brasil, a série de três minutos e 18 episódios mesclará tecnologias 2D e stop-motion e completará um documentário de 52 minutos sobre Plympton viajando pelo Brasil com Cabral e o produtor da Cup Filmes Ivan Mello.

“O Brasil vai emergir do ponto de vista do famoso Bill Plympton, o cão de guarda, que está tentando proteger seu dono dos perigos inesperados deste país”, explicou Cabral.

“Vai ser muito parecido em termos de humor canino. A diferença é que isso não acontece na América, mas no Brasil”, disse Plimpton. diverso, Acrescentando: “Uma das coisas interessantes é que as pessoas neste país têm mais liberdade, então suponho que a série terá algumas cenas de nudez nas praias, entre outras coisas”.

Participante regular de Annecy por muitos anos, Plympton, com sede em Nova York, atua como co-criador, consultor criativo e manipulador de storyboard de “Guard Dog”. Em termos de animação, “Cesar é o chefe”, disse Plimpton.

READ  Como assistir ao jogo Brasil-Venezuela (13/6/2021): Calendário de jogos da Copa América, transmissão ao vivo, canal de TV para o dia 1

O lendário Plympton, a quem Matt Groening chama de “Os Simpsons” “Deus” é considerado por muitos como uma das principais luzes da animação indie e estabeleceu um pré-requisito para que os projetos sejam “baratos, rápidos e engraçados”. Seus créditos incluem sete longas e mais de 70 curtas.

Plympton está atualmente em pós-produção em seu novo recurso “Slide”. Produzido por sua marca Bill Plympton Studios, espera-se que esteja pronto para entrega na próxima primavera.

O longa é um conjunto ocidental de Plimpton de origem Oregon com canções do cantor e compositor Hank Williams. Plimpton disse que seguiria “um cowboy lanoso que chega a uma cidade tão podre com seu violão e é espancado por bandidos”.

Melhor variedade

Registrar-se para Boletim Informativo Diversos. Para as últimas notícias, siga-nos em FacebookE a TwitterE as Instagram.

Clique aqui para ler o artigo completo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.