Dr. Jitendra parte para Portugal para representar a Índia na Conferência das Nações Unidas – Jammu e Caxemira Últimas Notícias | turismo

O Ministro da União Dr. Jitendra Singh interage com a mídia em Nova Delhi.

Repórter Excelsior
Nova Delhi, 25 de junho: Ministro Federal de Estado (responsável independente) para Ciência e Tecnologia. Secretário de Estado (responsável independente) das Ciências da Terra; O Dr. Jitendra Singh partiu hoje para Portugal para representar a Índia na “United Nations Ocean Conference 2022” em Lisboa de 27 de junho a 1 de julho de 2022.
Mais de 130 países ao redor do mundo estarão representados nesta conferência por seus respeitados e funcionários.
O Dr. Singh fará o discurso principal em nome da Índia na conferência das Nações Unidas sobre o tema “Ampliar a ciência e a inovação nos oceanos para implementar o ODS 14: Inventário, parcerias e soluções”.
Dr. Jitendra Singh disse em sua declaração de saída que sob a liderança do primeiro-ministro Narendra Modi, a Índia fornecerá soluções baseadas em ciência e inovação para implementar o ODS 14 por meio de parcerias e soluções verdes.
Ele disse que a Índia tem cooperação e parcerias bem estabelecidas com agências da ONU e instituições de pesquisa para preencher as lacunas de metodologia e dados para os indicadores dos ODS e trabalhar para a Década das Nações Unidas de Oceanografia para o Desenvolvimento Sustentável, 2021-2030, para limpeza, saúde, produtividade e previsibilidade. Ambiente seguro e acessível.
Singh relatou que a Índia tomou muitas iniciativas, programas e intervenções políticas por meio de vários ministérios e departamentos para proteger os ecossistemas marinhos e costeiros, manguezais e recifes de coral. Existem 10 metas na Meta 14 para medir a saúde e os serviços dos ecossistemas relacionados à água com foco na conservação social, econômica e ambiental. Singh acrescentou que um total de 11 indicadores foram identificados em nível nacional para medir e monitorar o progresso em direção a essas metas, e os dados são coletados regularmente para 9 indicadores monitorando a saúde/condição das águas costeiras e ecossistemas marinhos.
A conferência reafirmará a declaração “Nosso Oceano, Nosso Futuro: Um Chamado à Ação”, para apoiar a implementação do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 14: Conservar e usar de forma sustentável os oceanos, mares e recursos marinhos para o desenvolvimento sustentável, a ser realizado a partir de 5 de junho. -9 de 2017.

READ  Preços da eletricidade em Espanha e Portugal voltam a subir na segunda-feira, 25 de julho

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.