“Como permitimos que Bolsonaro se tornasse presidente?”

Leandra Lill

“Aqueles que se permitiram que foi uma escolha difícil colocaram o racismo e o preconceito em perspectiva”, diz ele.


Assine nosso boletim informativo 247

247 – A atriz Leandra Leal defendeu a autocrítica de todos os setores da sociedade brasileira que contribuíram para o surgimento do fascismo de Jair Bolsonaro. Ela disse que não pode ser visto como uma “escolha muito difícil” escolher entre a social-democracia representada por Fernando Haddad e o extremista de extrema direita Jair Bolsonaro, que já fez um discurso racista, misógino e tendencioso. A tese da “escolha difícil” foi construída pelos setores que lideraram o golpe de 2016 contra a ex-presidente Dilma Rousseff, como o PSD, e adotada pela mídia corporativa no Brasil. Confira a fala de Leandra Leal:

Assine os descontos do canal 247 E saiba mais:

Grupos de conhecimento gratuitos. saber mais. siga-nos não cabo.

voce que veio aqui, Muito obrigado por avaliar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o 247- Brasil está em TV 247 Eles se financiam por meio de sua própria comunidade de leitores e espectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o Brasil 247 de maneiras diferentes. Veja como em brasil247.com/apoio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *