Argentina coloca Colômbia mais longe da vaga no Mundial, Chile sobrevive

A Colômbia precisará de um milagre para jogar a próxima Copa do Mundo, depois da derrota por 1 a 0 para a Argentina nas eliminatórias sul-americanas. Lautaro Martínez marcou o único gol da partida em Córdoba aos 29 minutos de terça-feira, depois de ter sido deixado sozinho na área por dois zagueiros colombianos. O goleiro Camilo Vargas fez várias defesas importantes, incluindo três chutes do veterano Ángel di Maria. A Argentina não contou com o superastro Lionel Messi, que ainda está se recuperando do COVID-19. Mas a seleção – e o Brasil – já garantiram suas vagas na Copa do Mundo. A Colômbia está em sétimo lugar com 17 pontos. O Peru, atualmente em quinto lugar com 20 pontos, jogará mais tarde contra o Equador em Lima. Se os peruanos vencerem, o rival mais próximo da Colômbia nas eliminatórias será o Uruguai, com 22 pontos.

Faltam dois jogos para o Uruguai: Peru em casa e Chile fora. Os últimos rivais da Colômbia são menos perigosos, a Bolívia em casa e a Venezuela fora.

“Isso não acabou, queremos ir até o fim”, disse o técnico da Colômbia, Reinaldo Rueda, em entrevista coletiva. “Talvez precisemos de mais clareza no meio-campo e também na finalização. Sentimos falta dessa energia.” A América do Sul tem quatro vagas diretas na Copa do Mundo. O quinto colocado disputará um playoff internacional contra um time asiático por uma vaga.

O líder Brasil goleou o Paraguai por 4 a 0 em casa com gols de Raphinha, Philippe Coutinho, Antony e Rodrygo. O técnico Tite não contou com um Neymar lesionado jogando, e também usou o jogo para testar outros jogadores como o técnico da Argentina, Lionel Scaloni.

Mais cedo, o Chile venceu a Bolívia por 3 a 2 na altitude de La Paz graças a dois gols de Alexis Sánchez e outro de Marcelino Núñez. O resultado manteve os chilenos na disputa na sexta colocação com 19 pontos e quase acabou com as chances dos anfitriões, que permanecem com 15 pontos. Os gols bolivianos vieram de Marc Enoumba e Marcelo Martins.

READ  Onde assistir transmissão ao vivo de Eslováquia x Portugal, canal de TV, escalação e probabilidades de apostas para as eliminatórias da Euro 2024

“Foi uma recompensa aos nossos esforços, mas não termina aqui”, disse o atacante chileno Sánchez. Os desafios finais do Chile serão no Brasil e em casa contra o Uruguai.

Os uruguaios deram ao novo técnico Diego Alonso sua segunda vitória consecutiva no cargo – uma goleada por 4 a 1 sobre a Venezuela. Rodrigo Betancur, Giorgian de Arrascaeta, Edinson Cavani e Luis Suarez marcaram pelo Uruguai. O único gol da Venezuela foi de Josef Martinez.

O Equador, terceiro colocado, pode garantir sua vaga direta com uma vitória sobre o Peru. As duas rodadas finais das eliminatórias sul-americanas serão disputadas no final de março.

(Esta história não foi editada pela equipe do Devdiscourse e é gerada automaticamente a partir de um feed distribuído.)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *